Cruz Expectante (r)
Página Inicial
Vida e Obra do Patrono da Igreja Expectante
Textos de ou sobre Cedaior, Sevãnanda, Thoth e Ischaïa
Biblioteca
Mapa dos Núcleos
Perguntas Frequentes
Entre em Contato
Como entrar para a Egrégora Expectante

 


Nova seção no site: VÍDEO INSTRUÇÃO EXPECTANTE

“Entrai pela porta estreita, porque larga é a porta da perdição e espaçoso o caminho que a ela conduz, e muitos são os que por ela entram. Quão pequena é a porta da vida! Quão apertado o caminho que a ela conduz! E quão poucos a encontram!” (MATEUS, 07/13-14)


Os Diálogos Iniciáticos do Patriarca Thoth estão agora ao alcance de todos. Os Núcleos Expectantes no Brasil e no mundo passam a contar a partir de hoje com uma seção em vídeo dedicada a elucidar as mentes humanas. Os temas serão trocados periodicamente. Discípulos, buscadores e interessados devem clicar no botão “Vídeo Instrução”, no canto inferior esquerdo da nossa página.

Na estréia da nova área, o Mestre faz uma reflexão sobre o fiel que, geralmente muito bem intencionado, comparece às reuniões (note, caro leitor, que estamos nos referindo a eventos e práticas Expectantes, mas acontece em todas as ordens, igrejas e grupos místicos). No início tudo são flores. Belos rituais e cerimoniais encantam, a atmosfera solidária e fraterna atrai. Submete-se ao batismo e consagração, faz promessas e juras e até se propõe a iniciar o noviciado, que pode culminar na Via Sacerdotal.

Mas quando o buscador não se integra e não se entrega totalmente à obra, torna-se ainda mais exposto ao ceifador de vontades fracas, que opera de modos sutis e refinadas maneiras. Combine-se a essa falta de determinação e auto-vigilância, comportamento e atitude de baixa fé. Pronto! Está aí a receita para que aquele compromisso baseado em empolgação revele-se desconectado do plano invisível. O candidato esmorece vítima de sua própria incompreensão. E, se falta discernimento (ou permissão do alto), começa a faltar às reuniões. Sua preocupação passa a ser arranjar constrangidas desculpas e justificativas para as ausências. Alguns chegam a culpar a igreja e eventuais falhas de irmãos pela frustração e desânimo. O ápice do processo de seleção natural é o desligamento.
O festim das bodas estava inteiramente preparado, mas os que para ele foram convidados não eram dignos dele. Muitos os chamados, poucos os escolhidos. 

O trabalho espiritual em grupo não deve ser visto, a egrégora não pode ser usada como oportunidade para suprir carências sociais. O Cristo ensinou: “Onde dois ou mais estiverem reunidos em Meu Nome, lá Eu estarei”. Você quer estar com Ele?

Clique aqui para ver a Vídeo Instrução nº 01: ao fiel que falta às reuniões

 

© Todos os direitos reservados © Egrégora Expectante - Site Oficial   
igrejaexpectante@igrejaexpectante.org