Cruz Expectante (r)
Página Inicial
Vida e Obra do Patrono da Igreja Expectante
Textos de ou sobre Cedaior, Sevãnanda, Thoth e Ischaïa
Biblioteca
Mapa dos Núcleos
Perguntas Frequentes
Entre em Contato
Como entrar para a Egrégora Expectante

 

 
ATOS SACRAMENTAIS EM JARAGUÁ
Por Geraldo Lino da Silva, Sacerdote Expectante do 2º Grau


No plenilúnio de quinta-feira, 10 de novembro de 2011, 20h00, o Núcleo Expectante Joinville realizou reunião na cidade vizinha de Jaraguá do Sul, região norte de Santa Catarina. A oportunidade foi amparada por uma simpatizante da Igreja. Dona Adelaide amorosamente cedeu sua residência e lá foi montado, com todos os cuidados inerentes às operações litúrgicas, nos planos visível e invisível, o Templo Valentinus volante. Ora, se novos fiéis, por alguma razão, não podem comparecer a um Templo regularmente constituído, por que não levar uma extensão dele até onde as ovelhas estão?
 
Sala lotada pelos amigos e familiares que vieram presenciar a cerimônia, foram batizados os senhores Gert Janssen, 62 anos, e João Maria Gil de Deus, 40. Eles também solicitaram e receberam a Consagração do Batismo Expectante, que amplia o Batismo em si, até por ser uma escolha e decisão que os interessados manifestam ao findar do ritual do Primeiro Sacramento. Além disso, como ao longo da vida ambos já haviam sido batizados em outras igrejas (geralmente por aderência automática à religião dos pais ou indicação destes) os Anjos que sustentam aquelas respectivas igrejas foram ritualisticamente convidados a unir esforços com os Anjos da Egrégora Expectante na tarefa de proteger e dirigir aquelas almas no caminho que leva ao Cristo, cheio de espinhos, lágrimas, sangue e suor. Mais um exemplo prático do ecumenismo que pregamos, empregamos, ensinamos e... Vivemos!!!
 
Na Igreja Expectante é assim. Nenhum Sacerdote intenta "apagar", diminuir ou invalidar o passado religioso de quem quer que seja. Não se rompe nem se pede que se rompa com coisa alguma. Ao contrário, agradece-se por todo o trajeto já percorrido pelos seres que ora iniciam na senda do Expectantismo. segundo a sempre ativa, porém raramente compreendida Lei das Afinidades.
 
Não há porque negar nem renegar nada. Seja o indivíduo proveniente de denominações cristãs, espíritas, muçulmanas, buddhistas ou qualquer outra, se houver. A Igreja Expectante considera boas todas as religiões. Nada mais são que raios individuais da mesma Luz. Por isso esta Igreja, que se apresenta como a síntese de todas as religiões, e cuja pretensão é unir os crentes, não repudia ninguém. O que importa para a Igreja Expectante é a entrega do novo fiel à Obra a empreender sobre si mesmo, desde o mais profundo de seu ego, conforme seu estágio de consciência e suas próprias possibilidades devocionais.
 
O que vai determinar a permanência dos que chegam é a força com que se integrarão ao trabalho intransferível de automodificação, transmutando, no cadinho de seus corações, os metais de baixo valor no mais puro Ouro Espiritual. Enfim, citando o Patriarca Thoth, "a Igreja Expectante tem uma pequenina porta de entrada e uma imensa porta de saída".

 

 

© Todos os direitos reservados © Egrégora Expectante - Site Oficial   
igrejaexpectante@igrejaexpectante.org